Return to site

"Fala isso para os narcotraficantes" diz Witzel a família de mestre de bateria

· Materias

Uma das filhas do mestre de bateria Alexandre Duarte, morto em julho deste ano durante um confronto no Morro dos Tabajaras, na Zona Sul do Rio, foi recebida na tarde de quarta-feira (21) pelo gabinete de deputada Renata Souza, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa.

"Meu pai era muito querido, estamos todos numa campanha por justiça", destacou a estudante, que deixou o pessoal bastante desconfortável ao mostrar como o governador Wilson Witzel (PSC) respondeu ao ser cobrado nas redes sociais.

"Fala isso para os narcotráfico (sic)", escreveu o perfil oficial do ex-juiz.

"Não é isso que se espera de um governante. Não adianta ir a enterros de vítimas e não oferecer o acolhimento necessário aos familiares nos dias subsequentes", reclamou, mais tarde, a deputada no plenário da Alerj.

A reunião serviu não só como acolhimento, mas também para já encaminhar a família do músico, conhecido como Pressão, para assistência psicológica e jurídica. A Comissão de Direitos Humanos da OAB-RJ também participou do encontro.

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OK